ola

Menu

sexta-feira, 11 de julho de 2014

Proteção para entrada das caixas das Abelhas Sem Ferrão

[Figura-1] Proteção montada
É isso mesmo !

"Proteção para entrada das caixas de Abelhas Sem Ferrão".

Quantas e quantas vezes já deparamos com uma lagartixa "rondando" a caixa, esperando o momento certo pra abocanhar uma abelhinha gordinha com gosto de mel. Pois é...

Para contornar esse problema, os criadores recorrem à alguns sistemas de proteção, o qual é colocado na entrada da caixa.

[Figura-2] Madeira furada

Essa proteção, mostrada na figura-1, é mais um dos muitos modelos já existentes no mercado.

Agora, esse modelo que apresento aqui é um pouco mais versátil e prático. Vocês verão como.

A figura-1 mostra a proteção totalmente montada, bastando fixa-la na entrada da caixa a qual você pretende proteger.
 




[Figura-3] Garrafa e tampa furada
Esse modelo pode ser usado em qualquer caixa.
Como ele é afixado na caixa por parafusos, isso facilita no momento de multiplicação, pois basta retirar essa proteção da caixa mãe, cuja proteção vai estar com o formato da entrada da espécie ( Mandaçaia por exemplo, vai estar com aquele barro rajado pronto dentro da garrafa ) e não vai desmanchar devido a proteção sair inteira, ou seja, não vai danificar a famosa entrada, que é a característica de cada espécie. Em contrapartida, outros modelos de proteção não oferecem esse recurso, portanto não dá para remover a proteção e leva-la para a caixa filha. e como sabemos, se a entrada da caixa filha já estiver pronta, vai ajudar muito as campeiras localizarem e também a entrada pronta já começa a fazer a sua parte: que é proteger o enxame contra os invasores.


[Figura-4] Tampinha encaixada no furo


Como construir esse modelo de proteção ?

Bom, vamos por partes:
a figura-2 mostra a madeira já furada para receber a tampinha da garrafa de coca-cola ( pra esse modelo, estou usando a garrafa de coca-cola de 600ml ).
Os outros dois furos memores é para passar o parafuso de fixação na caixa.




[Figura-5] Tampinha colada na madeira
Na figura-3 podemos ver a garrafa cortada e a tampinha com o furo central. Esse furo quanto mais largo for, melhor, pois a proteção poderá ser usada nas caixas que tem enxames que precisam de mais espaço de abertura na entrada ( por exemplo, a Irai ).

A figura-4 mostra o momento em que a tampinha foi colocada e centralizada no furo da madeira e figura-5 ilustra a tampinha já colada.





[Figura-6] Caixa INPA 20 X 20 ( Uruçu )
Então, agora vamos colocar nossa proteção em uma caixa que vai ser usada para criação de Abelhas Uruçu Nordestina ( por exemplo ).

A figura-6 mostra a caixa sem a proteção.
A entrada está totalmente desprotegida contra as lagartixas.








[Figura-7] Entrada com a base da proteção instalada

Já a figura-7 ilustra o momento em que a caixa já se encontra com a base da proteção fixada na entrada.

Vejam como é fácil instalar esse modelo de proteção, basta retirar ( rosquear ) a parte da garrafa e com uma chave de fenda, fazer a fixação da base simplesmente apertando os parafusos. Todo o conjunto pode ser parafusado sem a necessidade de soltar a garrafa da base, caso queira fazer dessa forma.



[Figura-8] Garrafa rosqueada na base da proteção

 A figura-8 podemos ver a garrafa encaixada ( rosqueada ) na base.

Essa proteção poderá ser retirada a qualquer momento sem trazer transtornos para o enxame, basta desparafusar e retirar a proteção por inteiro.

Isso facilita muito em um processo de divisão, como já disse no início dessa postagem, basta retirar toda a proteção ( completa ) e fixar na caixa filha, onde as abelhas já ganha a entrada feita, não precisando perder tempo e fazer outra, essa incumbência ( fazer outra entrada ) fica para a caixa mãe.
[Figura-9] Entrada com proteção, vista de frente

Vejam como fica a entrada, vista de frente ( figura-9 ), quero ver qual lagartixa vai perturbar as abelhas, elas vão ficar de fora lambendo dos beiços e apreciando os recursos sendo implementados na caixa, levando mais comodidade, proteção e conforto para as abelhas.

Não basta termos enxames em nossos Meliponários, temos que cuidar deles.




É isso pessoal, com um custo baixo ( restos de materiais como pedaço de tábua, garrafa vazia ) conseguimos construir coisas que vão facilitar a vida das abelhas.

Grande abraço e muito sucesso pra vocês.


7 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola amigo;
      Quando solicitado, disponibilizo a caixa já com a proteção instalada.
      Abçs

      Excluir
  2. Como é feito a fixação da tampinha na madeira ? usa alguma cola ou algo do tipo ou apenas por pressão ela fixa bem ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Andre;
      A tampinha é colada no furo da madeira, sendo assim, na hora de fazer o furo, procurar usar uma broca com o tamnaho da tampinha.
      Abçs

      Excluir
  3. Olá, gostaria de saber qual tipo de cola eu posso usar para fixar a tampinha na madeira??
    Pode ser super bonder??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo;
      Para fazer um encaixe perfeito, procure colocar fina tira de madeira ou outro objeto, ao redor da tampa, para que ela fique mais firme dentro do buraco e ao mesmo tempo acrescente cola de madeira.
      Abçs

      Excluir
  4. Olá, gostaria de saber qual tipo de cola eu posso usar para fixar a tampinha na madeira??
    Pode ser super bonder??
    .
    Roberto Pacci.

    ResponderExcluir

Deixe sua mensagem.