ola

Menu

terça-feira, 17 de janeiro de 2017

3º Seminario de Meliponicultura USP de Ribeirão Preto


Acontecerá nos dias 18 e 19 de Fevereiro - 2017 o 3º Seminario de Meliponicultura na USP em Ribeirão Preto.

Um evento importante para que posssamos estreitar relacionamentos, fazer novas amizades, divulgar seus conhecimentos e também adquirir novos conhecimentos ou lapidar os conhecimentos já adquiridos.

[Folder]
Para se inscrever, basta clicar no link abaixo e preencher o formulário, e pós envio, você receberá um email de confirmação.

Link do formulário:
https://goo.gl/forms/jW2F2Qu2tlED3c7f1

Vamos participar.

Grande abraço e muito sucesso pra você.


terça-feira, 3 de janeiro de 2017

CERA MISTA - Importante no desenvolvimento de enxames.

[Figura-1]
Como todos sabemos, a cera é primordial na vida das abelhas, principalmente quando o enxame está na fase inicial de desenvolvimento.

Uma das formas de ajudarmos os enxames nesse sentido, é fornecer cera.

Muitas vezes a cera de APIS não é muito aceito pelas ASF ( Abelhas Sem Ferrão ), sendo assim criamos uma especie de cera mista.




[Figura-2]





A cera mista é um mistura de cera de APIS com cera de ASF. A cera de ASF pode ser de várias especies.

E essas ceras são derretidas em um recipiente e depois de fria, podem ter variadas formas, que vai depender do recipiente utilizado, no meu caso utilizei uma vasilha que tem a forma arredondada ( figura-2).










[Figura-3]





Depois da cera pronta ( cera mista ), podemos servir para as abelhas em forma de pedaços, geralmente utilizo uma espatula (figura-3) e retiro finas fatias dessa cera e sirvo para o enxame.









[Figura-4]


Na figura-4 temos a cera já em fatias bem finas prontas para serem servidas para qualquer espécie de abelhas.  a vantagem de utilizar a cera mista, é que são bem aceitas pelas ASF.

Podem ter certeza, fornecendo cera, o seu enxame vai se desenvolver muito rápido.

segunda-feira, 2 de janeiro de 2017

Uruçu Verdadeira - em desenvolvimento







Iniciando o ano de 2017 já com produção.
Enxame de uruçu Verdadeira em desenvolvimento.



Ninho coberto por lamelas de cera.

sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

sábado, 8 de outubro de 2016

Caixa INPA 15x15 com design artistico

[Figura  -1]

Isso mesmo !!!
Caixa INPA 15x15 cm internamente com aplicação de design artistico, deixando-a com uma aparência muito bonita para decoração de ambientes e ao mesmo tempo ajudando na preservação e criação de ASF ( Abelhas Sem Ferrão ).

Enfim, a criatividade anda de mãos dadas com a pratica da meliponicultura.

O idealizador dessa obra é Leandro G. Cardoso, no final da postagem voces poderão ver os dados para futuro contato.

As fotos aqui postadas são de autoria do Leandro, o qual cedeu para essa postagem.


[Figura-2]




As figuras 1 e 2 mostram a obra de arte em estagio final, pronta para ser usada.

O Leandro adquiriu uma caixa de minha produção com o intuito de fazer essa transformação e depois colocar um enxame de mandaçaia dentro dessa casinha para fazer criação e cuidar.

As fotos seguintes mostram como foi essa transformação e aplicação de design.







[Figura-4]



Caixa no estagio normal (madeira bruta).

[Figura-3]
















Nas figuras 5 e 6 podemos notar que está sendo providenciado um rebaixo para servir de encaixe, evitando dessa forma que os módulos fiquem deslizando e se soltem

[Figura-5]
[Figura-6]


















A figura 7 mostra com mais detalhes como foi realizado esse rebaixo. Também o furo de entrada no ninho foi tampado e feito um novo furo no sobreninho, dando destaque para a porta da casinha.

[Figura-7]




As figuras 8 e 9 mostra a caixa tomando a forma de casa e com seus adornos.

[Figura-9]
[figura-8]
























Nas figuras 10 e 11 podemos ver a caixa "casa" em estágio final de acabamento, pronta para receber pitnura a base de água.

[figura-11]
[Figura-10]
























Realmente é uma dedicação, talento, criatividade e sobretudo carinho pelas ASF.
a forma de criar as abelhas não muda, mas podemos mudar a forma que oferecemos para elas morarem:
"uma moradia bonita e confortavel".

O criador dessa obra de arte é o Leandro G. Cardoso.
Seu contato: leandrogcard@gmail.com

Grande abraço e muito sucesso pra vocês.





terça-feira, 20 de setembro de 2016

Caixa INPA 15X15 cm ( interno ) com proteção na entrada - Mandaçaia


[Figura-1] Caixa INPA 15x15 com proteção

Muitas vezes temos problemas com as famosas lagartixas, que ficam rondando a caixa na tentativa de comer as abelhas docinhas que por ali moram.

Pois é, a lagartixa come uma abelha, depois come outra e assim vai ficando gordinha, enquanto o seu enxame vai ficando fraco e definhando com o tempo. Pode chegar até a desaparecer. Sem contar do estresse que as abelhas passam com esse "vizinho" medonho.

Bom, pra resolvermos essa questão, uma das soluçoes é usar a proteção na entrada da caixa, como mostra a figura-1.

Dessa forma, as lagartixas jamais conseguirão comer as abelhas.









Fotos da caixa com a proteção instalada.



Fotos da caixa com a proteção instalada.

sexta-feira, 16 de setembro de 2016

Aconteceu o II Workshop Internacional na USP em Ribeirão Preto

[Figura-1]

Algumas fotos:
O Workshop aconteceu no predio da medicina, bloco didático.
Foi um evento muito interessante, onde diversos palestrantes renomados no assunto, estiveram presentes e debateram temas que com certeza agregaram muito valor para aqueles que estão envolvidos nessa atividade: Meliponicultura.

O foco desse evento foi em homenagem ao Dr. Kerr, um grande pesquisador da área.




















Folders.
Organização do evento
     




Temas em debate



Produtos em exposição





Variedades de produtos a venda.



Também  momento para tirar fotos com os amigos.





Palestrantes.



















 Aulas práticas.
Participação feminina.
E de jovens também.



















Foi um evento muito expressivo, quem já conhece a atividade da Meliponicultura, foi um momento para lapidar informações, tirar duvidas, enriquecer ainda mais o conhecimento.
A prática todos sabemos, mas precisamos estar antenados com o que está acontecendo com a Meliponicultura no Brasil e no mundo, e esse workshop faz exatemamente isso:
"Atualizar os envolvidos no assunto sobre o o rumo da Meliponiculura e a preservação das ASF".

E a cidade de Ribeirão Preto é muito hospitaleira.